Porto Alegre, Câmara de Vereadores, Política, Cidade, Democratas, DEM, Projetos, Prefeitura

CONVENÇÃO NACIONAL DO DEMOCRATAS

Participei hoje da nossa Convenção Nacional, realizada em Brasília. Na convenção foi enfatizada a necessidade de construção de uma agenda pública capaz de fazer o país voltar a crescer. Entre os vários congressistas estavam presentes representantes do RS, como o Deputado Estadual Rodrigo Lorenzoni, o colega vereador Evandro Soares, a colega vereadora de Guaíba Claudinha Jardim, o secretário-adjunto de Cultura de Porto Alegre, Leonardo Maricato, o prefeito de Salvador, Bahia, ACM Neto, que foi reeleito por aclamação nosso Presidente Nacional, Ministro em Chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, presidente da Câmara Federal, Deputado Federal Rodrigo Maia, Senador Davi Alcolumbre, presidente do Senado, os governadores do Mato Grosso, Mauro Mendes, de Goiás, Ronaldo Caiado, do Tocantins, Mauro Carlesse e ainda os ministros Tereza Cristina, da Agricultura e Luiz Henrique Mandetta da Saúde.

 

Em suas manifestações o presidente ACM Neto ressaltou que o objetivo da convenção era definir a direção partidária para os próximos três anos e não a questão sobre o apoio, formal ou não, ao Presidente Bolsonaro.

Durante o evento, foi aprovada por aclamação uma moção de apoio à reforma.

Segundo o Presidente ACM Neto “nós, do Democratas, estamos absolutamente comprometidos com o avanço da agenda das reformas. Tenho certeza que, pautados pelo espírito público, todos estarão comprometidos para garantir a aprovação da Reforma da Previdência”.

Rodrigo Maia, presidente da Câmara disse que “menos de 2% da população concentra 60% das riquezas. Enquanto a outra metade tem acesso a apenas 5% de tudo o que é produzido no país. É disso que estamos falando. Ser ou não governo não é o mais importante, o mais importante é ser a favor de uma agenda que construa um futuro melhor para a população brasileira”.

Já Davi Alcolumbre, presidente do Senado, alertou que “queremos buscar, todos os dias, não o atrito ou a discórdia. Ao contrário, temos que construir a convergência para estabelecer um diálogo que seja capaz de salvar o Brasil”.

Em seu discurso, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), também criticou os ataques ao DEM e defendeu a importância dos partidos para fortalecer a democracia.

“A forma pejorativa que muitas vezes tratam os democratas e outros partidos é o caminho do enfraquecimento não desses próprios partidos, mas da democracia”, afirmou. “Criticamos e atacamos erros de pessoas. O partidos são fundamentais na nossa democracia, e o DEM tem demonstrado isso ao longo dos últimos anos, especialmente com a presidência da Câmara e do Senado”, acrescentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: